Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maria das Palavras

A blogger menos in do pedaço, a destruir mitos urbanos desde 1986. Prazer.

07
Jun16

5 coisas que ninguém vos diz que há na Feira do Livro de Lisboa

Maria das Palavras

Tanto post sobre a feira do livro e só falam dos livros e das farturas? Inadmissível. Maria to the rescue. Eis as coisas que também podem ser encontradas na Feira do Livro de Lisboa em 2016 e ainda ninguém vos disse.

 

1. A Bola da Nívea que costuma servir de ponto de encontro das praias. Maquilhou-se de forma diferente e arranjou emprego em Maio junto à área da Porto Editora. Depois de um longo Inverno sem propostas do IEFP, aqui esteve a sua oportunidade de ganhar uns trocos antes da abertura oficial da época balnear. 

 

feira do livro 2016 - bola porto editora.jpg

 

 

2. Autores gostosos que provam que as orelhas grandes não estragam carinhas larocas. Isto porque só se fala do talento, do jeito para a escrita e tal e coiso, mas antes de este menino chegar esteve sentada ao lado a Helena Sacadura Cabral horas a fio e, no tempo que lá estive, esteve sempre sozinha e de caneta em pausa.  Chega aqui o rapaz e vem a multidão enlouquecida ao autógrafo. Se querem provas que pelo menos as mulheres ficam tontas na sua presença, leiam aqui o que a Magda fez ao rapaz

 

feira do livro 2016 - joel dicker.jpg

 

 

3. Wi-fi! E vocês dizem: és mesmo anormal, Maria! Vais para um sítio onde se pretende dar prioridade a atividades de lazer que não impliquem as pessoas estarem ligadas a todo o instante e o que destacas é o wifi? E eu respondo: querem ver as pontuações do GoodReads antes de comprarem um livro entre esses 265 ou levam à maluca?

 

feira do livro de lisboa 2016.jpg

 

 

4. Gente assustadora empenhada a contar histórias. Eu tive um bocadinho de medo mas toda a gente permaneceu sentada até ao fim. Estas leituras interpretativas são das coisas mais giras que a feira do livro tem, a meu ver. Fazem parte da oportunidade de conhecer os autores, mas ainda mais: ouvir a história com o tom de quem a quis contar.  Nos meus sonhos mais selvagens além de ser uma escritora de renome, ganho a vida a ler livros às pessoas, presencialmente e em podcasts para as pessoas irem ouvindo enquanto vão no carro ou a caminho de algum sítio, ou na passadeira do ginásio.

 

feira do livro de lisboa 2016 - leitura.jpg

 


5. Criatividade a rodos. Mensagens originais das editoras nos sacos, nos cartazes, nos stands. Como os exemplos abaixo ou a promoção da Leya que não é leve quatro, pague três, é leya quatro, pague três.  Um deleite para quem gosta destas coisas. 

slogans feira do livro lisboa 2016.jpg

 

Quem já passou por lá, quer acrescentar alguma coisa?


 

passatempo_odisseias_mariadaspalavras.jpg

 

  

 

 

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

24 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Seguir no SAPO

foto do autor

Passatempos

Ativos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu mai'novo

Escrevo pr'áqui







blogging.pt

Recomendado pela Zankyou

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D