Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maria das Palavras

A blogger menos in do pedaço, a destruir mitos urbanos desde 1986. Prazer.

13
Ago14

Conto Pingue-Pongue: A São e a Madalena II

Maria das Palavras

Neste conto que vai e volta a regra é só uma: escrever o que nos der na gana, moldando o presente da São e da Madalena.
A BB devolveu a bola e eu já estou a preparar a próxima jogada, modo picado! É que ela praticamente chamou de info-excluída à minha Sãozinha (mas acho que ela é mesmo...ssshhh).
Enquanto lanço o braço à jogada, vão lendo o que já se passou.

Mesa de Ping Pong - http://productos.parabebes.com

 A São e a Madalena - Parte I (Maria das Palavras)

A São e a Madalena - Parte II (BB)

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

10
Ago14

Conto Pingue-Pongue: A São e a Madalena

Maria das Palavras

Está inaugurado o conto pingue-pongue. O conto que vai e volta. Escrito a duas mãos, por mim e pela minha rica BB, que escreverá a segunda parte e mandará devolver. Please enjoy. BB, a bola fica do teu lado.

Mesa de ping-pong: Parabebes.com

A São e a Madalena - Parte 1

Lisboa, 3 de Dezembro de 2014

Querida Madalena, 

 

Sabes que sou alérgica ao telefone. O meu pai sempre me disse que ao telefone não se namorava, só se marcava o namoro. Talvez por isso, esgoto as palavras em pouco tempo e nunca sei o que dizer de auscultador ao ouvido. Só que agora estás longe, as nossas sessões de corte e costura no Café Central foram canceladas por tempo indefinido (e não, não tenciono mesmo aderir ao Face-coiso). Por isso faço como já ninguém faz: escrevo no papel. 
À exceção da tua ausência está tudo na mesma.
O Tomás ficou de me ligar, mas se calhar também desenvolveu uma alergia ao telefone. De forma que não falo com ele há uma semanas e três dias. Sim, estou a obcecar ligeiramente com isto, mas finjo que não se passa nada. Já o outro não pára de me chatear, estou tentada a mudar de número e tudo. sabes bem que não consigo lidar com aquele defeito dele, não é? Paciência...antes só...
A Joana mata-me de tédio lá no trabalho. Agora que não estás, deve achar que me sinto sozinha e não me larga um minuto. E por falar em obsessões, acho que ela também está a desenvolver qualquer coisa: deu em chefe de economato e está sempre a ver se o pessoal precisa de lápis afiados, agrafos, blocos de notas. Desculpas para se chegar ao pé de toda a gente e alcovitar mais um pouco.
E antes que perguntes: sim, o Artur está farto de perguntar por ti. Fiz como pediste e disse que não sabia. Estou claro, a passar pela mentirosa que sou - ele sabe que eu sei, que o rapaz além de giro que dói não é parvo de todo. Juro que não percebo este teu pedido. Tu estavas pelo beicinho e de repente deu-te o enfado ou o que foi?
E é isto...não me alongo, que nem sei se vês o correio. Hoje em dia só se recebem contas e até essas já vão para a caixa de email, a bem das árvorezinhas.

 

Está-me a apetecer escrever aquele P.S. da anedota, a dizer que te ia mandar uma nota de 50€ mas quando me lembrei já tinha fechado o envelope. Para veres o que estou habituada às cartas (nada).

Pois bem, um abraço minha amiga.
São

 

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

Seguir no SAPO

foto do autor

Passatempos

Ativos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu mai'novo

Escrevo pr'áqui







blogging.pt

Recomendado pela Zankyou

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D