Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maria das Palavras

A blogger menos in do pedaço, a destruir mitos urbanos desde 1986. Prazer.

16
Mai16

"Blogger" do latim "patientia"

Maria das Palavras

O meu conceito de blogger é muito amplo e muito estrito. Amplo porque abarca qualquer pessoa que escreva para o público, numa plataforma criada para o efeito, de forma particular ou enquanto membro de um grupo. Estrito porque tenho aquela mania que quem não escreve os próprios textos não tem um blog (mesmo que lhe chame "o blog da Etelvina"), tem um site. 


E acho que o que realmente une os bloggers do mundo, indepentemente da sua dimensão e regularidade de publicação, é a qualidade na escrita ahahahahahaha é a infinita paciência.

 

Paciência (Imagem Pixabay)

Paciência para aturar quem não gosta do que escreve, do seu tom, do seu header, do tipo de letra que usa, das suas opiniões, das pseudo-piadas, mas não consegue simplesmente retirar-se (já que não gosta), ou pelo menos ser educado na discordância, e tem mesmo, mesmo, de fazer terapia de grupo e falar ao blogger e ao mundo sobre isso, de forma a incluir a maior quantidade de ofensas por centímetro cúbico. 

Paciência para escolher palavras que não ofendam a ninguém ou, se não as escolhem, escolher palavras de defesa, ou saber lidar com as consequências de dizer coisas tão graves como "não gosto de tapetes de arraiolos" - o que valeria talvez um revirar de olhos em público, mas vale ameaças de morte se o deixares por escrito num dito blog.

Paciência para as guerras de blogs que metem intrigas, mentiras, boatos, palavras feias, parco poder de encaixe, sentido de humor zero, exageros no grau de ofensa que era afinal para ser só brincadeira, invejas várias, falhas de comunicação, limites trespassados, desconhecimento do verdadeiro eu do próximo, diz-que-disses e afins.

Paciência para ser lido, no fundo, por quem não quer ler, nem consegue desviar os olhos (como se houvesse um acidente horrível a acontecer, mas somos compelidos a olhar até ao último esguicho de sangue). 

 

Eu confesso que não sou uma pessoa muito paciente. Mas sou extremamente seletiva nas coisas a que dou importância e extremamente liberal nas coisas que deixo que me divirtam. Portanto vinde a mim, pastorinhos. Este espaço é de todos. Dos idiotas também. E, sim, estou a incluir-me no lote de idiotas. Afinal, de idiota e de louco todos temos um pouco. 

 

 

Sigam-me no Instagram - @maria_das_palavras e no Facebook aqui.

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

21
Jan16

Se eu sou impaciente?

Maria das Palavras

Onde é que está o Wally?

 

Se não encontro o Wally e todas as outras personagens no espaço dois minutos e meio a olhar para a página...assumo que foram os autores que se esqueceram de os pôr e passo à próxima.

 

[Sim, tenho livros do Wally. Sim, são recentes. Não me chateiem, é um belo passatempo.]

 

 

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

03
Mar15

Penduricalho de Panos

Maria das Palavras

Sabes (outra vez) que és a perfeita dona de casa quando a coisa que mais te faz passar na vida é a porra do penduricalho de panos que não se fica na parede e está sempre a cair. Ou então, para isso, tinha de saber o nome correto do penduricalho de panos.

Alguém me aconselha ou continuo a dar-lhe cabeçadas para ver se é desta que fica nos sítio? Tipo, até sangrar?

Penduricalho de panos - Maria das Palavras

 

 

 

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

05
Jan15

Quando for mãe

Maria das Palavras

[E acalmem-se as hostes porque não está para breve. Mas às vezes apetece-me tirar notas.]
Quando for mãe, sei que provavemente não terei esta virtude que tem a mãe do Miguel e da Maria. A da paciência infinita que a faz não cair no facilitismo de responder à filha que lhe pergunta quando volta a ser Natal com um "uiii, anda falta muito", "até lá não te doa a barriga" ou "não penses nisso que chegamos lá num instante outra vez". Mas gostava.

"(...)no regresso ela perguntou-me quando era natal outra vez: eu expliquei-lhe todas as coisas que iamos fazer antes de ser natal outra vez. que ela ia fazer 4 anos. o miguel 3. que iamos brincar na praia e comer bolas de berlim. que a prima ia começar a andar e a falar. que iamos ver muitos filmes de princesas e piratas. brincar no parque e fazer amigos novos. que ela ia aprender muitas coisas. que o miguel ia ficar mais alto e conseguir acender a luz sozinho. e ela ia aprender a andar de bicicleta ainda mais depressa. lá fora estava escuro e frio: dentro no carro que nos embalava conseguíamos todos ver a lua: parecia um sorriso. e depois de pensar em todas as coisas que eu lhe disse ela respondeu:"então eu espero".

No imperdível Eu, ele e a Maria.

 

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

Seguir no SAPO

foto do autor

Passatempos

Ativos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu mai'novo

Escrevo pr'áqui







blogging.pt

Recomendado pela Zankyou

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D