Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maria das Palavras

A blogger menos in do pedaço, a destruir mitos urbanos desde 1986. Prazer.

26
Ago17

Maria, sua mole.

Maria das Palavras

Talvez seja ridículo dizer assim, porque se costuma dizer isso dos filhos, mas uma das melhores coisas que o Moço me deu foi este sobrinho do meu coração. E tenho a certeza que o sobrinho também aprova a escolha que o tio fez, pelos abraços que me empresta e por me fazer prometer sempre que me vou embora que "amanhã outra vez, 'tá bem?".

E agora que, cada vez mais, tenho de dizer que ele é uma criança e não um bebé, com três aninhos acabados de fazer, agora que me mudei para longe e o vejo menos vezes, bate um medo irracional e penso muitas vezes numa coisa muito simples: e se ele nunca mais adormece ao meu colo?

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

08
Ago16

A Branca de Neve e..o sobrinho!

Maria das Palavras

Byfurcação - Branca de neve e os sete anões

 

Sim, está bem, também havia sete anões, mas desta vez as minha atenções estavam mais viradas para o sobrinho, que levei ontem a ver a peça Branca de Neve e os Sete Anões da (nossa favorita) Byfurcação.

Achei que, tendo em conta que o miúdo ainda nem tem dois anos, talvez não fosse ver a peça até ao fim desta vez, com ele a fartar-se de estar sentado no mesmo sítio. Está naquela idade em que não pára quieto pelo tempo de um piscar de olhos e trepa tudo o que vê (já o imaginava a subir as escadas do palco). Engano meu. Esteve tão concentrado o tempo todo, que mal respondia quando falávamos para ele. Só reagia quando perguntávamos "onde está a princesa?" e o gaiato apontava todo contente. E de quando em vez olhava para trás, expectante, porque já sabia que daquela porta de vez em quando saltava uma personagem nova.

Não falha: a música, a expressividade das personagens, as cores, tudo (n)os mantém presos até ao fim. As crianças vivem o conto de fadas, os adultos gozam os momentos só seus - como as piadas de improviso com o Pokémon Go e outras situações que os mais pequenos não entendem (para já, felizmente). A minha personagem favorita desta vez foi o príncipe espanhol, montado no seu cavalo, mas a do pequeno foi a princesa - tão novo e já tão esperto. A anã também era uma graça - sim, um dos sete anões (que eram fantoches) era uma miúda cheia de swag, mais adepta do "eu vou, eu vou...tirar uma selfie para o Instagram" que da versão original para ir trabalhar. 

 

Deixo-vos informações abaixo sobre a peça, que continua em cena, e para saberem mais juntem-se ao Facebook da Byfurcação - eles já têm mais peças na calha, para miúdos e graúdos (ai, o Romeu e Julieta!) , e muitas vezes fazem promoções através desta canal (como bilhetes 2 por 1). Fiquem atentos!



Informação Extra

 

 

BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES | Sala Polivalente do Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa (antigo Hospital Júlio de Matos) | Todos os sábados às 11h00 e domingos às 16h00 | ESTACIONAMENTO GRATUITO | reservas@byfurcacao.pt ou 93 810 96 44




Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

22
Jun16

Não são (só) os avós que estragam com mimos

Maria das Palavras

Spoiler alert: Este post contém reflexões sérias, publicidade descarada e uma boa dose de mimalhice.

 

O meu sobrinho emprestado (que na verdade é sobrinho do Moço) é viciadão no tablet. Não tem ainda dois anos e navega pelo Youtube (go Panda) e pelos seus jogos favoritos como um ás. Isto tem uma componente muito gira de o ver tão desenrascado e outra muito feia de uma criança tão pequena já estar tão agarrada à tecnologia. Ele também gosta de folhear livros (às vezes fica mesmo com as folhas na mão) e brincar com legos e pescar peixinhos com íman e tocar no xilofone e toda uma panóplia de coisas que não envolvem estar agarrado ao ecrã, atenção. Mas na hora da birra é o tablet que o sossega. Eu sinto-me muito dividida com isto (ele devia ou não mexer no tablet? O tablet devia ou não ser arma de chantagem e objeto de recompensa ou castigo?) mas não me atrevo a julgar, que não sou mãe - e os pais em geral já têm demasiada gente a julgá-los. Não se coíbam, no entanto, de deixar a vossa opinadela em baixo.

 

Mas se há coisa que me faz doer o coração é o pimpolho usar um tablet que na verdade é o iPad do pai. Ora eu não uso iCoisas mas sei o que elas custam e só de o ver a pegar no bicho, com as suas mãozinhas gingonas antevejo logo mil desgraças. Já para não falar das asneiras que ele faz a denunciar vídeos sem querer ou a clicar para comprar jogos da Apple Store (nunca compra, porque tem de pôr o pin, mas dêem-lhe mais um bocadinho a ver se ele não o aprende também).

E depois há a coisa que me faz derreter o coração que é ele chamar a tia (eu! eu!) para se sentar ao pé dele a ver os vídeos (já sou pró em músicas do Panda, da Xana Toc Toc, Heidi, Abelha Maia, até Sónia Araújo, só não nos chegamos ao Avô Cantigas que o pequeno tem medo!) ou pedir-me para o ajudar nos jogos de puzzles de animais.

 

Tablet para Crianças Odisseias | Maria das Palavras

 

Por isso não resisti, assim que o vi no shopping Odisseias, a mandar vir cá para casa este tablet especial para crianças para depois oferecer ao catraio. Tem na mesma ligação à net, tem uma série de aplicações já pensadas para a pequenada, tem Youtube (e Youtube Kids, já com vídeos selecionados para a criançada), tem uma capa de silicone boa para agarrarem (e mandarem ao chão) e o Kidoz que é um software pensado para os mais novos. Confesso que o que me venceu foi a ideia de mimar o miúdo mais giro do planeta Terra, que fica de beicinho quando os tios têm de ir embora, mas também fico mais descansada se souber que ele pode mexer nos vídeos e nos jogos que gosta sem pôr em risco um "brinquedo" tão caro como um iPad.

 

Tablet para Crianças Odisseias | Maria das Palavras

 

E agora? Fiz bem ou estou a alimentar ainda mais um vício que devia ser travado? 
E a minha sogra, avó do gaiato? Vai ficar contente pelo neto ou vai-me rogar pragas por ter sido eu a mimá-lo desta maneira?

Pr'ó diabo com as questões: estou é ansiosa por lho dar e ser a pessoa favorita dele. 


Disclaimer: Nenhum animal (de peluche) foi magoado no decorrer da composição deste post. Uma nota de agradecimento ao Gerevásio por ter servido de show girl para mostrar o tablet às pessoas. O post não foi escrito em parceria com ninguém, porque eu sei escrever sozinha.

 

 

Sigam-me no Instagram - @maria_das_palavras e no Facebook aqui.

Sigam-me no Instagram @maria_das_palavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

Seguir no SAPO

foto do autor

Passatempos

Ativos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu mai'novo

Escrevo pr'áqui







blogging.pt

Recomendado pela Zankyou

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D