Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maria das Palavras

A blogger menos in do pedaço, a destruir mitos urbanos desde 1986. Prazer.

15
Mai20

O novo (a)normal

Maria das Palavras

Maria das Palavras - O novo (a)normal


É como um jogo. Tudo o que vem da rua tem lepra e não se pode tocar - até o Moço quando regressa do trabalho.

Depois passam para a zona radioactiva da casa (o Moço passa só para o chuveiro) e é ver esta menina a esfregar embalagens com lixívia, a esfregar tangerinas com sabão, com o cuidado e delicadeza com que se banha um recém nascido. O Moço esfrega-se sozinho. A contragosto.

Nunca o meu umbigo, em 34 anos de vida, ficou tão bem lavado como o plástico que envolve um queijo fresco antes de ir morar para a prateleira do nosso frigorífico.

Tenho um nojinho latente de tudo e de todos.

A vida até pode passar a ser levada com este novo normal, aos poucos e com cuidado. Até podemos um dia voltar a um normal muito semelhante ao que já conhecíamos.

Mas só descanso no dia em que voltar a deixar cair uma amêndoa no chão e aplicar a regra dos 5 segundos para a levar à boca.

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

29
Abr20

'Vai correr tudo bem' ou Lei de Murphy?

Maria das Palavras

Não há dúvida nenhuma que um dia, não sabemos quando, isto da pandemia não passará de uma recordação, depois uma história. Também não tenho dúvidas que vamos ganhar alguns hábitos novos que ficam para o futuro - arrisco dizer que algumas pessoas até vão passar a lavar mesmo as mãos quando saem da casa de banho. Tenho mais dúvidas que nos tornemos pessoas melhores, acho que, como sempre, por cada ato de altruísmo, há alguém que leva as latas de atum da prateleira do supermercado todas para sua casa e assim o mundo se equilibra.


Mas até lá o nosso humor vai variando. 
Na maioria dos dias não ligo a qual será a data de validade do isolamento, só espero que seja superior à da minha farinha que ganhou bicho. Sei que vai ficar tudo bem e, portanto, passo um dia de cada vez, o melhor que posso. 
Os outros são os dias "era só o que me faltava". Ou, como me lembrei há pouco quando barrei uma bolacha com manteiga de amendoim e ela caiu com o lado pastoso no chão: os dias da Lei de Murphy


A maior parte das situações que me fazem levar as mãos à cabeça não têm relação direta com a quarentena, mas sei que me apoquentam a uma escala desproporcional por causa dela. E se me apetecer chorar porque a farinha tem bicho (não é corona) e não posso armar-me em pasteleira, quando sei perfeitamente que se não fotografar um bolo o Instagram me bloqueia a conta por violação de normas da comunidade, não tolero que me digam que não tenho razão para isso.

Concluo que lidar com o isolamento é isto. Admitir que de génio e de louco, todos temos um pouco. Menos a parte do génio.

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

02
Abr20

Ode ao Pijama

Maria das Palavras

Cai leve levemente
Como quem desce por mim.

Será ganga?
Será bombazine?

Ganga não é certamente
E a bombazine não cai assim

 

Ó abençoada invenção
Abraça-me e nunca me largues
Composto 100% de algodão
Quem sabe às vezes até polar
Vou vestir-te até ao armagedão
Só te tiro para te trocar

 

E quando te troco é por teu igual
Mais coração, menos ovelha
Viram dias e noites e dias
E tu sempre sobre meu corpo
Provideciando mil alegrias

 

Fui ver
Era o meu pijama

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

01
Abr20

Um dia, para lá da pandemia

Maria das Palavras

Seja lá quando for, consigo muito bem imaginar como serão os meus dias, quando o isolamento puder oficialmente acabar.

Primeira semana depois da pandemia terminar

Que bom fazer todos os dias o caminho para o trabalho, a apreciar o caminho!
Vou trilhar o país e ver a família toda! Viva o convívio com amigos
Pequeno-almoço fora, almoço fora, jantar fora.
Ninguém me paraaaa!

Terceira semana depois da pandemia terminar

Ai, quem me dera poder trabalhar remotamente, que saudades das reuniões de pijama.
‘Bora ficar em casa no fim-de-semana? Estou farta de andar de um lado para outro.
Manda vir comida.


Décima semana depois da pandemia terminar

Mas porque é que tenho de cumprimentar toda a gente, céus, odeio pessoas. Quem é que inventou que as mulheres davam beijinhos a estranhos!?
Vamos só aquecer uams sobras quaisquer para comer e fechar-nos em casa.

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

25
Mar20

Reflexões em tempo de Isolamento II

Maria das Palavras

6
Devia mesmo começar a fazer exercício. Já tentei, mas canso-me muito. 

7
Felizmente não temos balança.

8
Olha que nem em quarentena as pessoas deixam de marcar pessoas que não conhecem nos passatempo do Instagram, hein?!

9
As pessoas que fazem aqueles esquemas com área contaminada da casa para as coisas que vêm da rua, devem ter casas muito grandes.

10

Se todos os carros do país ficarem sem bateria por não andarem, quem é que vai dar faísca ao nosso para pegar? 

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

17
Mar20

Reflexões em tempo de Isolamento

Maria das Palavras

1
Não frito nada em casa. Não vou a restaurantes nos próximos tempos. Quanto tempo manterei a sanidade mental sem batatas fritas?

2
As pessoas dizem que daqui a nove meses vai haver um baby boom porque está tudo fechado em casa (supostamente) a fazer bebés, mas ao mesmo tempo publicam o desepero que vivem com os seus filhos em casa de 5 em 5 segundos. Não é compatível. 

3
Toda a gente partilha a sua arte para ajudar a entreter os outros. Os chef's partilham receitas. Mas não saberão que as pessoas não devem deslocar-se ao supermercado (e as entregas já estãode 2023 para à frente), para estarem a sugerir uso de ingredientes como polvilho doce ou romaninho de menta achocolatada do Turquistão? 
Espera...toda a gente tem polvilho doce em casa?

4
Não tenho post its suficientes para trabalhar em casa. 

5
Preciso mesmo de batatas fritas.

 

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

Seguir no SAPO

foto do autor

Passatempos

Ativos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu mai'novo

Escrevo pr'áqui







blogging.pt

Recomendado pela Zankyou

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D