Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Maria das Palavras

A blogger menos in do pedaço, a destruir mitos urbanos desde 1986. Prazer.

19
Dez17

Dois dedos de conversa #89

Maria das Palavras

Dentro do Centro Comercial Arena, enquanto fazíamos um bocadinho de tempo para ir ver o jogo ao Dragão (ele Portista ansioso, eu na torcida pelo Marítimo para favorecer o meu Sportin'):

 

Moço: Devíamos ir andando.

Maria: Txiii, ainda falta meia hora...

Moço: só falta meia-hora.

Maria: Mas podemos ficar aqui mais um bocadinho só para não arrefermos logo.

Moço: Maria, bom argumento...não estivesses tu a comer um gelado...

 

Swirl de Natal - Maria das Palavras

 

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

31
Jul17

O dia em que fiz uma cena de filme na estação de comboio.

Maria das Palavras

Vi-a ao longe. Os meus olhos brilharam.

Olhei para o relógio. Três minutos para o meu comboio chegar. Tinha de dar tempo.

 

Levantei-me e comecei a correr na sua direção.

Ela fez o mesmo do lado de lá da linha, os nossos olhos divididos entre o caminho a percorrer e a inevitabilidade de ver onde ia a outra.


Descemos as escadas em direção ao túnel e foi bem a meio que finalmente nos cruzámos.

 

Era a minha irmã. Trazia na mão um daqueles gelados da feira para mim. 

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

06
Jun16

Eu juro que não ia falar disto.

Maria das Palavras

2016_0604_18255400.jpg

 

É que já tinha visto menção em não-sei-quantos blogs* e, honestamente, o Magnum já é um ótimo lanche gelado, pelo que não tinha a certeza de que pôr mariquices em cima o fosse melhorar. Portanto não estava numa de ir lá desde que tivesse outros gelados por perto (e tenho Häagen-Dazs e Cornetos de morango ali no frigorífico, mesmo), nem de falar sobre um assunto já batido nas redes sociais. Depois, no Sábado, entre amigos, surge a ideia de visitar a tal Magnum Lisboa, ali ao pé do teatro Trindade e provar os super-magnuns...Não sei se já se tinham apercebido, mas eu sou taradinha por gelados. Não gosto da maior parte dos doces e sobremesas (cheesecakes? blargh...pudins? nah...coisas de textura duvidosa em geral? deixem lá) mas um gelado enche-me sempre o olho (e a barriga).

Quando chegámos e vimos uma fila imensa à porta (quem nos manda lembrar disto a meio de um Sábado solarengo?) só não fomos embora porque não nos apercebemos que a fila continuava escadas acima e ainda dava a volta para o outro lado. E quando nos apercebemos já era tarde demais para voltar para trás (afinal já tinhamos esperado um bom tempo).


Três euros e uma hora depois chegamos finalmente ao "bar de Magnuns". Primeiro escolhemos o cocktail de coberturas (eu escolhi golden flakes, pérolas de cereais, amêndoa caramelizada com canela e açúcar de amora - sim, tive direito a uma extra porque dei trocos à senhora e ela estava a desesperar por eles). Algumas outras coberturas que me lembro assim de cor: flor de sal, pistaccio, avelã caramelizada, praliné, mistura de três chocolates, raspas de chocolate branco, pétalas de rosa...Depois eles perguntam em que chocolate queremos mergulhar o gelado (escolhi branco) e assistimos hipnotizados àquele momento mágico do mergulho + chocolate a escorrer. Aqui já temos baba a escorrer na mesma medida. Depois o mix de coberturas cola-se de um lado e de outro, escolhemos mais um chocolate para topping e pregam-lhe uma moedinha de Magnum. 

E é delicioso! Tanto que mesmo sem vontade de falar de uma coisa que já foi falada por vários bloggers (nomeadamente alguns) não posso deixar de mencionar e insistir: se puderem, provem. Parece que a loja só está lá até Outubro e quero voltar a visitá-la muitas vezes. De preferência numa altura menos concorrida. 

 


[*não, não fui uma das sortudas convidadas a ir experimentar, mas se me convidarem apago este post, finjo que ainda não fui e digo-lhes que sim, que sim, que gostava muito de experimentar]

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

16
Mar16

Também exijo Panteão para...

Maria das Palavras

Como diz a Magda, isto hoje em dia só o Artur bate-chapas é que não vai para o Panteão, visto que em vez de figuras históricas são cada vez mais as figuras públicas que se querem lá. Assim sendo, se estamos a esquecer-nos que aquilo é um espaço limitado e vamos passar a pôr lá todos os notáveis por quem nutrimos carinho, quero fazer a minha própria reivindicação. Quero que vá para o Panteão nacional uma figura que fez por diversas vezes as minhas delícias e que posso dizer que adorava e respeitava. 


Também exijo Panteão para o sabor de gelado Caramel Cone Explosion da Haagen-Dazs. Soube no outro dia que foi descontinuado (que é como quem diz que morreu) e tenho andado num luto sentido, enquanto estou a tentar encontrar sucessor à altura por entre os outros sabores caramelo-abiscoitados da marca. Comparando com outras figuras públicas é bastante mais ajeitadinho em termos de tamanho e creio que será fácil arranjar uma gavetica onde caiba. Ah, e eu sei que a marca é americana, mas não podemos ser xenófobos, não é? #nãosejastrump

 

Sigam-me no Instagram @mariadaspalavras, no Youtube aqui e no Facebook aqui.

Seguir no SAPO

foto do autor

Passatempos

Ativos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O meu mai'novo

Escrevo pr'áqui







blogging.pt

Recomendado pela Zankyou

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds